fbpx
19 99646-7010 19 3496-1747

Funcionários públicos da saúde recebem aumento de 20%

23/06/2014

Funcionários públicos da saúde recebem aumento de 20%

Salários de chefe de gabinete, procurador geral, superintendente do Saae e secretários também sofreram reajustes, de 70%

CAPIVARI – Na noite de segunda-feira, 16, durante a 20ª sessão ordinária da Câmara de Capivari, os vereadores aprovaram, em regime de urgência, o reajuste salarial de funcionários públicos da saúde em 16 áreas de atuação, além dos secretários municipais, do chefe de gabinete, do procurador geral do município e do superintendente do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae).

No caso dos cargos de alto escalão, nove vereadores foram a favor do aumento e quatro contra: Denilton Rocha (PMDB), Mateus Scarso (PMDB), Telêmaco Borsari (PDT) e Nelson Soares (PR). Em média, os profissionais da saúde receberão já no próximo pagamento, aumento de 20%. Enquanto isso, os demais irão receber, a partir de janeiro de 2015, 70% a mais do que o salário atual.

Em seu perfil no Facebook, Borsari explicou a decisão contrária. Segundo ele, os projetos foram enviados aos vereadores na sexta-feira, 13, impossibilitando o debate com a população. “O prefeito justificou que foi feito um estudo técnico, mas não apresentou o mesmo para nós analisarmos”, conta. Para o parlamentar, o aumento “é um desrespeito com os trabalhadores que jamais conseguem um reajuste deste porte”.

Na mesma linha, Mateus Scarso diz que o projeto reflete a desigualdade entre os servidores públicos. “Sempre ouço falar que falta dinheiro para investimentos, principalmente no setor da saúde e para a infraestrutura dos bairros. Agora, recurso para aumentar o salário do primeiro escalão do prefeito não vai faltar”, recrimina.

Em relação às críticas, o prefeito Rodrigo Proença (PPS) defendeu a iniciativa em sua página no Facebook. “Demos, sim aumento aos secretários municipais, afinal há anos esses cargos não têm reajustes e eles possuem grandes responsabilidades.” Ele explica que esses profissionais não recebem gratificação ou hora extra para estrarem 24 horas por dia à disposição dos cidadãos. “Isso está dentro da programação orçamentária e não atrapalhará os investimentos que estão sendo feitos”, garante Proença.

“Tem gente que prefere falar das ruas com buracos, eu prefiro falar das ruas que estão sendo recapeadas”, comenta o vereador Antonio Pazianotto Júnior (PPS), fazendo um balanço geral das ações realizadas pela administração atual, em desacordo às oposições de alguns parlamentares no caso dos altos salários. Segundo ele, “quem usa o serviço público de saúde sabe que houve melhoras. Perfeito vai ficar? Jamais”, afirma.

Confira a relação de cargos que receberam aumento:

• Chefe de gabinete – de R$ 4.008,70 para R$ 6.090,70
• Procurador geral do município – de R$ 4.008,70 para R$ 6.090,70
• Superintendente do Saae – de R$ 4.008,70 para R$ 6.090,70
• Secretários municipais – R$ de 3.584,50 para R$ 6.090,70
• Motoristas de ambulância – de R$ 1.118,13 para R$ 1.311,89
• Técnicos de enfermagem – de R$ 1.311,89 para R$ 1.608,58
• Auxiliares de enfermagem – de R$ 1.311,89 para R$ 1.480,60
• Técnicos de equipamento odontológico – de R$ 1.480,60 para R$ 1.608,58
• Agentes comunitários – de R$ 1.092,90 para R$ 1.311,89
• Agentes comunitários do PSF – R$ 1.092,90 para R$ 1.311,89
• Agentes de saúde – de R$ 1.186,33 para R$ 1.407,06
• Auxiliares de enfermagem do PSF – 1.326,62 para R$ 1.480,60
• Agentes de controle de vetores e zoonoses – de R$ 1.092,90 para R$ 1.311,89
• Auxiliares de laboratório – de R$ 1.186,33 para R$ 1.480,60
• Auxiliares de saúde – de R$ 1.186,33 para R$ 1.480,60
• Atendentes de consultório – de R$ 1.186,33 para R$ 1.480,60
• Atendentes de saúde – de R$ 1.186,33 para R$ 1.480,60
• Almoxarifes – de R$ 1.186,33 para R$ 1.407,06
• Atendentes de farmácia – de R$ 1.186,33 para R$ 1.480,60
• Técnicos de laboratório – de R$ 1.407,06 para R$ 1.500,39

Deixe uma resposta