Capivari

Câmara de Capivari aprova projeto de lei voltado à Defesa Civil e moções de Repúdio, Apoio, Apelo e de Congratulações

Na noite de segunda-feira, 23, os vereadores de Capivari aprovaram por unanimidade o projeto de lei nº 114/2021, de autoria do Poder Executivo, que autoriza o município a celebrar convênio com o Governo do Estado de São Paulo para recebimento de recursos e equipamentos destinados à área de Defesa Civil.

Também foram aprovados 11 requerimentos de autoria dos vereadores Denilton Rocha (MDB), Marquinho Mineiro (Podemos), Nelson Soares (PL), Paloma Tatiane da Silva (PP), Sele Rosada (PSL), Thiago Braggion (PSL) e do presidente da Câmara, Du Bombonatti “Tambú” (Republicanos). A Prefeitura tem até 30 dias para responder os requerimentos.

No expediente, os vereadores aprovaram sete moções. A primeira foi a Moção de Apoio de autoria de Soares, destinada à Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo e ao deputado André do Prado (PL), pela aprovação do projeto de lei nº 209/2021, que dispõe sobre o incentivo à doação de plasma convalescente para tratamento da Covid-19.

Vereadores durante a 26ª Sessão Ordinária. Foto: Divulgação/Câmara de Capivari

Outras duas foram Moções de Apelo: a de autoria de Braggion, destinada à Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo, para a implantação do projeto “Guri” em Capivari; e a de autoria do vereador José Eduardo de Campos Pacheco (PL), ao Senado Federal, pela desaprovação da PEC nº 125/2021, que dispõe sobre o retorno das coligações partidárias.

Pacheco apresentou ainda uma Moção de Repúdio, à Câmara dos Deputados, pela aprovação dessa PEC. Já ao ministro da Educação, Milton Ribeiro, foram destinadas duas Moções de Repúdio, uma do vereador Rocha pelas declarações antidemocráticas da educação superior, e a outra da vereadora Paloma pelo pronunciamento contrário ao aprendizado inclusivo de alunos com deficiência.

Por fim, a Câmara aprovou a Moção de Congratulações de autoria de Du Bombonatti à delegada titular de Capivari e da Delegacia de Defesa da Mulher, dra. Maria Luísa Dalla Bernardina Rigolin, e ao investigador chefe, Marcelo de Jesus Aparecido Monaro.

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Skip to content