NotíciasRafard

Com Centro Cultural lotado, audição semestral encerra ano do Projeto Guri

04/12/2015

Com Centro Cultural lotado, audição semestral encerra ano do Projeto Guri

Mais de 60 alunos de cavaco, violão e canto coral se apresentaram ao lado dos professores Eliel Gois, Rafael Lopes Tiengo e Mário Nofuente
Os alunos de cavaco se apresentaram ao lado do professor Eliel Gois (Foto: Divulgação/Prefeitura de Rafard)
Os alunos de cavaco tocaram ao lado do professor Eliel Gois (Foto: Divulgação/Prefeitura de Rafard)

RAFARD – Finalizando o semestre e mais um ano do Projeto Guri na Cidade Coração, os alunos das turmas de cavaco, violão e canto coral, orientadas pelos professores Eliel Gois, Rafael Lopes Tiengo e Mário Nofuente, se apresentaram na sexta-feira, 27, no Centro Cultural Júlio Henrique Raffard. De acordo com a Prefeitura, o anfiteatro estava lotado, com pais e amigos prestigiando mais uma audição semestral.

Os mais de 60 alunos foram divididos de acordo com o estágio de aprendizado, com apresentações que seguiram a linha cronológica do que é ensinado nas aulas. As primeiras turmas executaram os fundamentos básicos de cada instrumento e as últimas puderam arriscar mais, entoando canções conhecidas do público. A diretora de Cultura, Esporte e Turismo, Evani Santos, acompanhou as apresentações.

Segundo ela, as audições de final de semestre têm por finalidade mostrar o aprendizado obtido durante o período. O Projeto Guri está em Rafard há alguns anos e é considerado o maior programa sociocultural brasileiro, que oferece nos períodos de contraturno escolar a possibilidade do ensino musical. Para Evani, a proximidade dos pais e responsáveis durante as apresentações é um estímulo a mais aos jovens.

Os interessados em participar do Projeto Guri devem comparecer ao Centro Cultural munidos de RG, comprovante de residência, carteira de vacinação e declaração escolar. Não é necessário ter conhecimento prévio de música para usufruir das aulas gratuitas. Crianças entre oito e 13 anos incompletos devem estar acompanhadas de um responsável ou entrar em contato por meio do telefone 3496-1438.

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Skip to content