jornalosemanario

De acordo com agência, e-commerce nacional recebeu 1,27 bilhões de acessos em agosto

São Paulo, SP 16/9/2020 –

Com o período de quarentena e isolamento social induzidos pela pandemia do coronavírus, as pessoas passaram mais tempo em casa nos útlimos meses e a venda de produtos home tech disparou.

A Conversion acaba de disponibilizar o acesso ao Relatório Setores do E-commerce no Brasil Setembro/2020 (beta), que é a segunda edição deste material rico. A primeira edição, disponibilizada no último mês, foi baixada centenas de vezes por profissionais de e-commerce e executivos das maiores empresas do país.

O mês de agosto traz uma pequena queda em relação a julho, que havia sido o terceiro melhor mês da história do e-commerce. Agosto mostrou uma redução de 1,8% no acesso aos maiores e-commerces do Brasil, mas continua sendo um dos melhores meses.

“Agosto ficou tecnicamente empatado com dezembro do último ano, sendo que ambos os meses registraram 1,27 bilhão de acessos”, comenta Diego Ivo, CEO da Conversion. “O comércio eletrônico continua vivendo seus melhores meses e o segundo semestre deve registrar grandes recordes, especialmente em novembro, mês da Black Friday”, prevê Ivo.

Como suporte aos dados de audiência, a Conversion realizou uma pesquisa de opinião com 395 brasileiros a partir de 18 anos, no final de julho. O nível de confiança da pesquisa é de 95% e a margem de erro é de 4,9 p.p. Segundo o levantamento, 86% dos brasileiros conectados à Internet realizaram compras durante a pandemia. Sendo que Roupas & Acessórios foi a categoria preferida de presentes.

Semelhantemente, dados divulgados pela 6ª edição do Perfil do E-commerce brasileiro, estudo realizado pelo Paypal em parceria com a Big Data Corp, mostram que o número de lojas virtuais subiu de 930 mil para 1,3 milhão em um ano. Esse é o maior salto registrado pela pesquisa, que é realizada desde 2015.

Nos últimos meses, todos os setores do mercado foram afetados pela pandemia causada pelo novo coronavírus. Alguns deles registraram curvas altas de crescimento. Por outro lado, outros tiveram alguns de seus piores períodos da história.

De acordo com um relatório inédito produzido pela agência Conversion, o e-commerce registrou 1,29 bilhão de acessos no sétimo mês do ano, atrás apenas de datas como Dia das Mães e Black Friday. O estudo, que tem como objetivo trazer informações e insights relevantes para os profissionais, tem registrado esse movimento mensalmente.

Website: https://cupoom.com.br/

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios