Elizete Cristina Aguiar

Educação em Foco: Formação dos Professores

Acompanhamento das aulas. Ação/Reflexão/Ação.

Todo trabalho deve ser acompanhado e avaliado. Na Educação não deve ser diferente. É preciso avaliar todos os níveis específicos ou não. Mensurar a realização das metas. Ir direto ao ponto, ser prático, objetivo, positivo e atingir o Alvo – a aprendizagem do aluno.

A melhoria da atuação docente e o desempenho dos alunos dependem diretamente desse acompanhamento e orientação aos professores em sala de aula.

Hoje o mundo é mais exigente, há uma cobrança diária da sociedade em relação à Educação, uma pressão. A Educação virou notícia, os holofotes estão direcionados cotidianamente em relação aos resultados. Na formação dos professores, há que se levar em conta as capacidades/dificuldades exigidas hoje: o mundo digital, a globalização, o relacionamento/comunicação, o pensamento ágil. A nova geração de alunos (alguns com todo o tipo de adversidades e outros sem nenhuma adversidade). Falta de apoio dos pais, a carreira sem direcionamento, gestores sem capacidade, desmotivação, autoestima baixa, currículos desarticulados, falta de material mínimo para desenvolver o trabalho cotidiano.

Quando se acompanha o trabalho do professor (também o forma) é preciso que se observe, faça-o observar, reflita e faça-o refletir e coloque em prática todos esses pontos citados acima. Quem acompanha? Os gestores (direção, vice direção, coordenação, supervisão), os pais, outros professores, estagiários e claro os alunos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Skip to content