AgendaCapivari

Gravata de Avestruz: uma banda pelo bem do próximo

Foto: Divulgação

A banda Gravata de Avestruz nasceu da vontade dos integrantes de fazer a diferença na vida das pessoas. Márcio Magnusson, Rodney Lopes e Lídio Rodrigues enxergaram em seus dons musicais a oportunidade de contribuir para um mundo melhor.

Isso funciona da seguinte maneira: ao contratar o Gravata de Avestruz para tocar em seu evento, o contratante escolhe uma instituição de caridade, causa ou família que esteja passando necessidade e o cachê combinado será doado diretamente por ele. Desta forma, após ser avisada a respeito da doação, banda e contratante acertam os detalhes finais para a realização do show.

Além disso, o Gravata de Avestruz não cobra cachê para tocar em eventos beneficentes.

“Temos um sonho de que esse projeto inspire as pessoas a fazer o mesmo em outras áreas, todos podemos contribuir com o que fazemos de melhor ou até mesmo com algumas horinhas do seu tempo e assim, melhorar a vida das pessoas!”, afirma Magnusson.

A banda oferece shows de duas horas, com repertório variado de pop rock e o melhor da mpb e também conta com DJ.

O nome Gravata de Avestruz foi inspirado na vaquinha realizada em casamentos.

“Queremos criar uma onda do bem, não temos pretensão de mudar o mundo, mas sabemos que podemos fazer a diferença com atitudes como essa” diz Lopes.

No dia 23 de novembro, no Zakar em Capivari, acontecerá o Baile do Gravata, que tem o propósito levantar fundos para cobrir as despesas da banda como, por exemplo, os custos com viagens, manutenção de equipamentos e etc. Os ingressos estão disponíveis na Vera Sarcinella, com os integrantes da banda e promoters.

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar