Arnaldo Divo Rodrigues de Camargo

Jovens suicidam brincando de roleta russa

“Não perca o bom humor. Em qualquer acesso de irritação, há sempre um suicidiozinho no campo de suas forças.” André Luiz (Chico Xavier) (1)

Os anos de 2020 e 2021 parecem que são anos em que a paz e o amor terminaram. A pandemia da covid-19 ataca os cidadãos, e alguns jornalistas e a televisão atacam o governo. Estamos vivendo num mundo doente, raivoso, violento. Nunca foi tão necessário contra-atacar com o não perca:

– não perca tempo em procurar o mal, busque ajudar onde possa;
– não perca a vontade de doar o amor que existe em seu íntimo;
– não perca tempo na indecisão, decida fazer o que precisa e cumpra seu dever;
– não perca o auxílio da Essência Divina que se derrama todos os dias;
– não perca a esperança de dias melhores e de superação;
– não perca a humildade e a serenidade, aqueles que mais amamos ou de quem mais esperamos podem nos decepcionar. Por quê? Eles são como nós, ainda espíritos imperfeitos, mas vão conquistar um dia a meta Divina da perfeição.

O médico espiritual André Luiz recomenda três coisas importantes que não podemos deixar para depois, cultivando a serenidade e a aceitação em nosso dia a dia:

“Não perca a oportunidade de servir aos semelhantes. Hoje e amanhã, você precisará de concurso alheio.
Não perca tempo. Os dias voltam, mas os minutos são outros.
Não perca a paciência. Recorde a paciência inesgotável de Deus”. (1)

Segundo um provérbio chinês, nenhuma família pode pendurar um aviso: “Aqui não temos problemas”. Com certeza aqueles que confiam em Deus sabem que devem praticar a aceitação, acreditando que o Pai é maior do que todas as dificuldades e vai nos dar sustentação.

Em uma semana, dois jovens morrem em jogos de “roleta-russa”, nesse começo do mês de abril.
Lucas Speck perdeu a vida aos 23 anos em Santa Catarina e Cades Emanuel, aos 20 anos, em Minas Gerais; Polícia Civil investiga os casos. (2)

Normalmente o suicídio é tratado como um fenômeno multifatorial, que pode estar relacionado a doenças psíquicas, como, por exemplo, depressão, transtorno bipolar, alcoolismo, abuso/dependência de drogas e esquizofrenia.

E nestes casos em que as pessoas estavam brincando com a sorte? O suicídio é uma das dez primeiras causas de morte no mundo, principalmente entre adolescentes e adultos. Segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS) e conforme estimativas, mais de um milhão de pessoas cometem suicídio a cada ano no mundo, ocorrendo cerca de um ato suicida a cada 40 segundos.

A família e os amigos sentem o impacto dessa morte. E têm que passar por um processo doloroso. O sofrimento iniciado com o estado de choque pelo fato, o luto, vivenciando a perda familiar, a busca pela superação e a reconstrução da vida que segue.

Deus está no controle. Suicídio não é morte, é vida, mas tem consequências dolorosas na vida espiritual e na próxima reencarnação, com a reconstrução do corpo espiritual e físico.

(1) André Luiz (Chico Xavier) – Caminho Espírita – IDE. (2) https://jovempan.com.br/noticias/brasil/em-uma-semana-dois-jovens-morrem-com-tiros-na-cabeca-em-jogos-de-roleta-russa.html

Botão Voltar ao topo
Skip to content