CapivariDestaquesSaúde

Nova capacidade de oxigênio do Hospital Unimed Capivari é diferencial contra a Covid-19

Foto: Divulgação/Unimed Capivari

Estamos vivendo, novamente, mais uma fase complicada relativa a pandemia da Covid-19. O mês de março, especialmente, foi um período em que recordes de casos e de mortes foram atingidos no Brasil.

Em meio a isso, a saúde como um todo passa por um momento delicado. Os nossos beneficiários podem ficar tranquilos com relação a estrutura do Hospital Unimed Capivari (HUC). É que, além dos dez leitos de UTI disponíveis, profissionais e equipamentos de primeiro nível, o HUC realizou um investimento pouco antes da pandemia, para aumento do tanque de oxigênio.

A obra teve início em 20 de janeiro do ano passado com a preparação da base e teve sua conclusão em 19 de fevereiro do mesmo ano. Antes da reforma, o local tinha capacidade de armazenamento de 3.000 m3 de Oxigênio e o tanque instalado tem capacidade dobrada, porém foi construída uma base que suporta um tanque de 11.000m3.

“Isso nos dá uma garantia futura de não precisarmos mais investir em um nova base caso tenhamos que aumentar nossa capacidade de estoque de O2 (Oxigênio) em caso de aumento de leitos e ou consumo”, garante Wilson R. Salvatti, Supervisor de Manutenção do HUC.

De acordo com o Gerente Geral do Hospital, Cesar Kerches de Oliveira, este investimento já fazia parte de nosso Planejamento Estratégico e fomos muito felizes na programação de tal investimento

“com o tanque que tínhamos instalados, nossa capacidade de estocagem de Oxigênio nos obrigava a reabastecer semanalmente, e com a pandemia nosso consumo dobrou, o que nos obrigaria a abastecer duas vezes por semana, com o novo tanque, mesmo com a pandemia temos reserva para 15 dias, abastecimento 2 vezes por mês”, comenta.

Lembrando ainda que, em todos os momentos, o tanque menor conseguiu suprir a demanda sem percalços. O investimento foi pensado e realizado para os próximos 20 anos.

Para se ter uma ideia, o consumo de oxigênio antes da pandemia era de 90 a 120 m3/dia. Já na pandemia, está em torno de 245 m3/dia.

Também investimos em uma central de gases medicinais direcionados para o Centro Cirúrgico. Essa central permite abastecer o setor com os gases necessários para as cirurgias sem a necessidade de utilização de cilindros. Além disso, também foram realizados investimentos na linha de transmissão de gases, evitando vazamentos.

A estrutura do Hospital Unimed Capivari é um diferencial. Prova disso é que, além de atender os usuários locais (o HUC tem parceria com a Prefeitura de Capivari), também recebemos beneficiários de outras cidades que confiam na capacidade e qualidade do nosso hospital.

Botão Voltar ao topo
Skip to content