Região

PM detém quatro suspeitos de aplicar golpes por aplicativo de mensagens

Um dos presos, inclusive, estava com mais de R$ 1,5 mil que admitiu ter adquirido por meio da fraude

A Polícia Militar deteve quatro homens, três de 18 e 19 anos, e um adolescente, de 16, que são investigados por aplicar golpes a partir da clonagem de aplicativo de mensagens. A ação aconteceu na tarde de segunda-feira (6), no bairro Itaquera, na zona leste da cidade de São Paulo.

Uma equipe do 39º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (BPM/M) estava em patrulhamento quando foi acionada para verificar um veículo suspeito parado na Rua Manuel Jorge Correia e, no local indicado, verificaram tratar-se de um veículo GM/Capitiva, ocupado por quatro jovens.

Os PMs revistaram o grupo e encontraram o valor de R$ 1.527, o qual um dos rapazes imediatamente admitiu ter adquirido por meio de um golpe aplicado por um aplicativo de mensagens. Ele ainda explicou que a fraude consistia na clonagem do aplicativo de um desconhecido.

Assim, com acesso a agenda da vítima, o autor se passava por ela e pedia dinheiro emprestado aos conhecidos. Inclusive, no momento da abordagem, um dos celulares dos suspeitos recebeu uma mensagem, que seria de uma suposta vítima, já que era ofensas ao dono do telefone.

Cinco aparelhos móveis foram apreendidos e encaminhados ao Instituto de Criminalística (IC) para análise. A vítima foi contatada, compareceu à unidade de polícia judiciária e prestou depoimento. Todos os envolvidos foram conduzidos ao 64º Distrito Policial (Cidade A.E. Carvalho).

Eles foram ouvidos e, por não tratar-se de flagrante, liberados, mas serão investigados por estelionato [com ato infracional], capturar, corromper ou facilitar a corrupção de menor, associação criminosa, invasão de dispositivo informático. As apurações prosseguirão por meio de inquérito policial.

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar