Editorial

Quem será o próximo?

Imagem ilustrativa

Está inaugurada a temporada de ‘caça às bruxas’ na microrregião. Depois da cassação do ex-prefeito de Rafard, Uil Maia, agora, a justiça mira mais dois chefes do Executivo de cidades vizinhas.

Na semana passada, a Justiça anunciou a condenação da prefeita de Mombuca, Maria Ruth Bellanga de Oliveira, por desvio de verbas públicas.

Agora, nesta semana, o prefeito de Capivari, Rodrigo Abdala Proença, também foi condenado à perda do cargo, por improbidade administrativa.

Em ambas as decisões, cabe recurso e os prefeitos acreditam na absolvição.

Fica uma lição para quem pretende disputar uma cadeira nas próximas eleições. Administrar uma cidade não é para qualquer um e está cada dia mais burocrático e menos político.

Então, prepare-se bastante, para não transformar um sonho em pesadelo.

Que a Justiça continue exercendo o seu papel e que os políticos estejam preparados para cumprir com sua obrigação de zelar pelo bem público e pela população.

Quem sabe assim, ‘os aventureiros’ despreparados ao cargo pensem duas vezes antes de arriscar na vida pública.

A nova política deve ser baseada em compromisso e cumprimento de metas. Administrar uma cidade é como gerir uma empresa, a única diferença neste caso, é que os acionistas somos nós, a população.

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar