Classificados

Supermercados devem abrir mais 7 mil postos de trabalho até o fim do ano

Essencial setor supermercadista gerou 12.719 postos de trabalho de janeiro a setembro de 2021

Impulsionado pelas vendas de Natal e Black Friday, o setor supermercadista do Estado de São Paulo deve empregar mais 7 mil pessoas até o fim deste ano.

O saldo atual é de 12.719 postos de trabalho abertos entre os meses de janeiro a setembro de 2021, segundo levantamento realizado pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) com base nos dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED).

Carteira de Trabalho deve ser levada ao PAT pelos interessados nas vagas
Carteira de Trabalho deve ser levada ao PAT pelos interessados nas vagas

Atualmente o essencial setor supermercadista do Estado de São Paulo emprega diretamente 579.664 pessoas.

“A Black Friday e o Natal são as datas com o maior volume de vendas nos supermercados, período bom para quem busca oportunidade de emprego.

A expectativa é que o setor supermercadista crie mais 7 mil posições até dezembro e feche 2021 com mais de 585 mil pessoas trabalhando nos supermercados do Estado de São Paulo”, ressalta Ronaldo dos Santos, presidente da APAS.

Sobre a APAS

Com 50 anos de tradição, a Associação Paulista de Supermercados representa o essencial setor supermercadista no Estado de São Paulo e busca integrar toda a cadeia de abastecimento com a sociedade.

A entidade, que possui 3 distritais na cidade de São Paulo e 13 regionais distribuídas estrategicamente pelo estado, conta hoje com 1.505 supermercados associados que somam 4.315 lojas.

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Skip to content