Alexandre Teles

Um presente neste Natal

Alexandre Teles

Presentes para comprar, festas para preparar e visitas para receber. Todas essas coisas, ao mesmo tempo, compõem a popular festa de natal e fazem dela uma das ocasiões mais “agitadas e interessantes” do ano.

Apesar das luzes coloridas e dos sons festivos que animam essa temporada, o natal acaba sendo, para muita gente, um tempo de solidão, tristeza e vazio na alma. A verdade é que, no meio de uma festa animada, uma ceia farta e de tantos presentes, essa celebração deixou de lado a sua razão maior que é Jesus Cristo, o Filho de Deus. Aquele cuja vinda a este mundo, profetas já havia predito.

Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu nome: Maravilhoso Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz. Isaías 9.6

E cumprindo-se o dia, o anjo alegremente anuncia aos pastores no campo:

Eis que vos trago novas de grande alegria, que será para todo povo, pois, na cidade de Davi, vos nasceu hoje o Salvador, que é Cristo, o Senhor. Lucas 2.10,11

É muito bom ganharmos presentes. É bom ser lembrado pelas pessoas que amamos. Porém, Cristo é o verdadeiro presente de Deus para você! Jesus, que tudo criou, veio viver entre nós, baixou até nós, andou entre nós, bebeu a nossa água, pisou o nosso chão, chorou nossas lágrimas.

A virgem conceberá e dará à luz um filho, o qual será chamado EMANUEL, que traduzido é: Deus conosco. Mateus 1.23

Deus enviou Seu Filho ao mundo como prova do Seu amor para conosco. Jesus, que viveu uma vida sem pecado, se fez pecado por nós, morrendo numa cruz para pagar completamente a nossa dívida diante de Deus, por causa do nosso pecado.

Por isso, nosso verdadeiro presente de natal é o perdão total dos nossos pecados! Esse presente vem de Deus, por meio da morte e da ressurreição de Cristo dentre os mortos.

O natal é a vinda do Filho de Deus ao mundo para ser o nosso Salvador. Aquele que veio nos reconciliar com Deus. Natal não é papai noel, não é comércio, não é troca de presente, não é gastronomia, luzes enfeitando ruas e praças.

Natal é Deus descendo até nós, é Deus se fazendo homem, é o Rei dos reis se fazendo servo, é o Eterno entrando no tempo, é o Infinito entrando na nossa história, é o Santo se fazendo pecado, é o Bendito se fazendo maldição por nós para nos dar a vida eterna. Que verdade gloriosa, é a verdade do natal.

É preciso recristianizar o natal. Devolver o natal ao seu verdadeiro dono. É preciso entender que natal é Jesus, o Filho de Deus. E Ele não veio ao mundo apenas para dividir a história ao meio, ensinar princípios morais para nortear os rumos da história. Ele veio ao mundo para salvar a mim e a você.

Eu conclamo você e a sua família a celebrarem o natal de uma maneira diferente, ainda que de fato tenha alegria, e deva mesmo reunir sua família, colocar a mesa e agradecer a Deus este momento tão importante que é celebrado no mundo inteiro. Mas coloque o aniversariante no centro. Honre a Jesus. Reconheça que Ele é o Salvador, que Ele é o Senhor do universo, o Rei da glória, o Rei dos reis.

A não ser que você reconheça Jesus Cristo como seu Salvador pessoal. A não ser que você entenda que Ele é o prometido de Deus, o Messias, o Rei, o Profeta, o Sacerdote, a não ser que você se curve aos pés de Jesus reconhecendo Seu Senhorio, Seu governo, Sua autoridade sobre a sua vida, então o natal ainda é apenas uma festa comum na sua história. Mas quando você entende o que o anjo disse aos pastores, o natal passa a ter um novo colorido, o natal passa a ter um novo significado, o natal passa a ser uma festa de grande alegria, e que vai ser para todo povo. Esta é a mensagem do natal. Jesus veio ao mundo trazendo alegria, paz, salvação, perdão, reconciliação, trazendo esperança para o nosso coração.

Eu conclamo você a mudar sua maneira de comemorar esta grande festa cristã. A trazer para o centro da sua vida Àquele que é o centro do universo, Jesus Cristo, o Filho de Deus. Alegrando-se não com trocas de presentes, com jantares requintados, mas alegrando-se, sobretudo porque agora Deus trouxe para você o maior de todos os presentes, a vida eterna, na pessoa de Seu Filho, Jesus Cristo.

Celebre o natal Reconhecendo Jesus Cristo como Filho de Deus, como Salvador do mundo, como esperança para sua alma. Àquele que vai encher a sua alma de doçura, de alegria, de paz, dar significado a sua vida, alegrando-se então com grande salvação.

Que Deus, em Cristo Jesus te abençoe!

Alexandre Teles, serve ao Senhor Jesus Cristo na Igreja do Evangelho Quadrangular Catedral do Amor em Rio das Pedras.
Os artigos assinados não refletem necessariamente a opinião do jornal. São de inteira responsabilidade de seus autores.

Etiquetas
Botão Voltar ao topo
Fechar