OpiniãoRafardRegião

Artigo – Esporte – Ramon Bisin

Agora quem dá bola é o SANTOS F.C. – Fundado em 14/04/1912 (100 anos), presidente Sr. Luís Álvaro Ribeiro, do treinador vitorioso Muricy Ramalho, conquistou o Tri-paulista, com ajuda de Paulo Henrique Ganso e de Neymar da Silva Santos Júnior (Mogi das Cruzes, 05/02/1992) e companhia. Fato que não ocorria desde a era Pelé há 43 anos (1969). Nos últimos sete anos, o peixe conseguiu sete títulos, sendo: 2006, 2007, 2010, 2011 e 2012 Campeão Paulista e no ano de 2010 conquistou também a Copa do Brasil e no ano 2011, Campeão da Copa da Libertadores. No seu centenário conseguiu a proeza de conseguir um título, fato que poucas equipes conseguiram, além do Santos, o Vasco da Gama (1998). Vamos ao nome de algumas equipes que ficaram devendo no aniversário de centenário: Corinthians, Fluminense, Flamengo, Botafogo RJ, Ponte Preta, Sport, Atlético MG, Coritiba, Guarani etc. A festa santista começou no estádio do Morumbi e foi até o estádio da Vila Belmiro na cidade de Santos, onde foram recepcionados por um grande número de torcedores. Depois da festa com a torcida, todos os jogadores, funcionários e diretoria foram numa churrascaria comemorar o tricampeonato, num merecido jantar de gala.
Neymar promove festa em boate – Depois de ir à churrascaria, Neymar da Silva Santos Jr., organizou uma grande festa numa badalada boate no centro da cidade na baixada santista, para comemorar o tri-paulista. Ele foi um dos primeiros a chegar com seu Porche branco de placa…, opa o número da placa só para os íntimos. Segundo informações tinha 10 mulheres para cada homem, com lista fechada (vou reclamar, meu nome não estava na lista é mole!). Dois jogadores foram barrados, o zagueiro Rafael Caldeira e o volante Anderson Carvalho, mas ambos foram liberados em seguida pelos seguranças da boate. O evento do craque santista, que costuma ser requisitado e repleto de celebridades, teve “open bar”, e não faltou baixaria na madrugada desta segunda-feira (14/05), briga entre mulheres e segurança expulsando os mais exaltados. A organização do evento alertava através do sistema de som da casa noturna aos convidados a não solicitarem autógrafos e nem tirarem fotos do Neymar.

Guinness Book, vocês duvidam? Com certeza, vai entrar para o Livro dos Recordes (Guinness Book) o jogador Severino dos Ramos Durval da Silva (Nascido em Cruz do Espírito Santo em 11/09/1980), zagueiro do Santos F.C., que conseguiu feito inédito, seu décimo título estadual consecutivo, que começou no ano de 2003, no time do Botafogo PB, 2004 no Brasiliense, 2005 no Atlético PR, 2006, 2007, 2008 e 2009 no Sport Recife e agora tri no Santos 2010, 2011 e 2012. É bom lembrar que não há registro de jogador de futebol que tenha obtido tal êxito, temos o registro sim de time de futebol como o América-MG, pelo deca campeonato entre 1916 e 1925 e do ABC-RN.

Jornal “O Semanário” apagando velinha – Parabéns para toda equipe que integra esse maravilhoso Jornal (Renato Darros, Deise Campanholi, Claubijeine Cavalcante, Kelly Jordão e ao meu amigo Diretor Túlio Darros) que completa 21 anos de jornalismo sério, não ocultando a verdade. A propósito o jornal “O Semanário” tem para com seu público deveres que o inibem de descambar para o sensacionalismo. Órgão essencialmente informativo, a ele, cabe pôr seus leitores a par dos acontecimentos sem os deturpar ou alterar a verdade. Daí decorre a grande responsabilidade que pesa sobre seus dirigentes e orientadores. Ao Jornal “O Semanário”, parabéns, muitos anos de vida e que o Grande Arquiteto do Universo continue iluminando a todos, e que seus dirigentes se inspirem nos exemplos de um Evaristo da Veiga ou de um Líbero Badaró. São os votos de coração que faço; e obrigado por me deixar fazer parte dessa equipe.

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo