Capivari

Nota de Esclarecimento – Sindicato dos Servidores

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Capivari e Região vem a público para defender-se das inverdades assacadas contra si na data de 27/03/2012 por alguns Vereadores durante a Sessão da Câmara deste município.
Inicialmente, cabe-nos informar que a Data Base para reajuste salarial do servidor público de Capivari é no mês de março de cada ano e as reivindicações são decididas em Assembléia Geral pelos servidores presentes.
A Assembléia para elaboração da pauta de reivindicação 2012/2013 ocorreu em 16/02/2012, onde ficou definida a proposta de reajuste no percentual dado a categoria médica em setembro/2011, ou seja, 100% de aumento salarial para todos os servidores públicos municipais, levando-se em consideração o princípio constitucional da isonomia. Em referida Assembléia foi eleita uma comissão de negociação composta por cinco servidores públicos conferindo pleno direito de representatividade para junto a Administração estar apta a participar da negociação salarial e demais itens que compunham a pauta de reivindicações.
Após realização desta Assembléia, a pauta de negociação foi protocolizada pelo sindicato junto à Prefeitura Municipal de Capivari no dia 24/02/2012 que aguardou agendamento de reunião pelo Chefe do Executivo.
No dia 20/03/2012 a Presidente do Sindicato foi informada pela Secretaria do Gabinete que a data da reunião havia sido agendada para o dia 26/03/2012, tempo insuficiente para finalizar as negociações. O Sindicato então fez contato para que fosse antecipado essa reunião, motivo que fez o prefeito municipal antecipar para o dia 22/03/2012.
Durante reunião, o Senhor Prefeito Luis Donisete Campaci demonstrou através de gráficos e cálculos que a incorporação do abono do ano anterior geraria efeito cascata (um aumento de 3,78%) na folha de pagamento, afirmando também que em hipótese alguma poderia oferecer aumento maior do que os definidos nas cinco propostas sob pena de infringir a Lei de Responsabilidade Fiscal.
Em nova Assembléia ocorrida em 26/03/2012 nas dependências do Sindicato foram apresentadas as cinco propostas acrescentando-se aos servidores a opção de não aceitação das propostas e a retomada das negociações.
Ocorre senhores leitores que esta entidade sindical foi acusada por alguns vereadores desinformados de não ter se mobilizado com antecedência para negociar a questão salarial, obrigando os senhores vereadores a votar na Sessão Extraordinária o reajuste oferecido com o qual não concordavam, imputando toda a culpa a este Sindicato.
Cabe-nos rebater qualquer acusação ressaltando-se que:
1) Toda tramitação por parte do Sindicato foi feita dentro dos prazos legais. Ademais, a pauta de reivindicações foi protocolizada junto a Prefeitura em 24/02/2012 tempo hábil para as negociações sendo que, quem deu causa a demora foi a Administração Pública, lembrando que a reunião só foi antecipada para dia 22/03/2012 por intervenção desta entidade, do contrario só ocorreria no dia 26/03/2012.
2) Alguns vereadores utilizando-se de manobra política intentam tirar a responsabilidade da administração pública em relação a insatisfação dos servidores quanto ao aumento salarial atribuindo-a ao Sindicato que não tem o poder de conceder reajustes, apenas de negociação.
3) A crítica partiu de dois vereadores que nunca manifestaram interesse em comparecer ao sindicato para saber das aflições e necessidades dos servidores municipais. Contrariamente a esses dois vereadores, oportuno dizer que existem outros vereadores que demonstram interesse pela luta dos servidores participando de forma ativa de todo movimento sindical seja em Assembléia ou em conversa informal com os membros da diretoria.
Ressalta-se ainda que durante as negociações com o chefe do poder executivo o Sindicato agiu com firmeza, retidão defendendo os interesses de toda categoria, não podendo admitir colocações que não retratam a realidade.

Diretoria do Sindicato dos Servidores
Municipais de Capivari e Região

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo