Rafard

Produtores rafardenses aprendem sobre suinocultura em treinamento na Esalq

 

Agropecuaristas e profissionais de Rafard e região participaram do curso de especialização: “Como iniciar uma criação de suínos”, na manhã de segunda-feira, 17, na Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq), em Piracicaba. O curso foi ministrado pelo professor doutor Valdomiro Shigueru Miyada.

 

O evento foi promovido pela Prefeitura de Rafard em parceria com o Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural, representado pelo conselheiro Márcio Jacob Hessel e pelo engenheiro agrônomo Décio Leite, da Casa da Agricultura.

 

Segundo Hessel, o objetivo do treinamento era fornecer ferramentas para o gerenciamento dos profissionais que trabalham na suinocultura de corte. Para Leite, presidente da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) de Rafard, a criação de suínos para corte pode ser uma alternativa para diversificação da propriedade rural e de renda para o produtor.

 

“A carne suína é uma excelente fonte de nutrientes e vitaminas do complexo B, mas a mesma vem sofrendo preconceitos, pois está em terceiro lugar no consumo humano, com 13 kg por habitante ao ano. Em primeiro vem a carne de frango, com 60 kg por habitante, e em segundo a carne bovina, com 35 kg por habitante. Países como Dinamarca, Alemanha e Espanha consomem 70 kg por habitante e com expectativa de vida por volta dos 75 anos, provando que não é a carne suína que causa malefícios a vida humana”, explicou Leite.

 

Após o curso, todos os participantes receberam um certificado e participaram de uma confraternização.

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
>>1XBET
>>JADE