Rafard

Quaresma e Campanha da Fraternidade

Pe. Antônio Carlos D’Elboux - Pároco de Rafard

O tempo litúrgico da Quaresma compreende quarenta dias em preparação para a maior festa da cristandade, que é a Páscoa. É um período de mais intensidade nas orações, no jejum, na penitência e de um maior incentivo à prática da caridade. A Quaresma inicia-se com a Quarta-feira de Cinzas e vai até o começo da Semana Santa, a única que leva o adjetivo santo, quando celebramos os principais mistérios da nossa fé: Paixão, morte e ressurreição de Jesus.
Até uns anos atrás, nas igrejas, no tempo quaresmal, se cobriam de roxo as imagens dos santos e não se tocavam instrumentos barulhentos, as pessoas não colocavam músicas em alto volume, não se realizavam casamentos e nem se faziam festas. É certo que os tempos mudaram. Penso, porém, que precisamos resgatar o espírito da Quaresma. A mensagem é bastante clara: Recolher-nos e dar espaço para a meditação sobre nossa vida e sobre o destino último de todos nós: Deus.
Muitas pessoas também, na Quaresma, fazem penitências, como não comer doces, não tomar bebida alcoólica, não fumar, deixar a barba crescer, não participar de festas, não comer chocolate e tantas outras. O importante é bem nos prepararmos para a festa da Páscoa, fazendo algum sacrifício para melhorar o corpo e o espírito. O melhor jejum, porém, é o da língua, não criticando, não falando mal, sempre incentivando e ajudando as pessoas, principalmente as que vivem ao nosso lado.
Em nosso país, o período da Quaresma também coincide com a Campanha da Fraternidade, que cada ano tem um assunto específico, procurando nos conscientizar sobre o tema e suas causas. Neste ano o tema é: “Fraternidade e saúde pública” e o lema: “Que a saúde se difunda sobre a terra”, tirado da Bíblia, do livro do Eclesiástico. A prevenção das doenças ainda é o meio mais barato de enfrentarmos os problemas de saúde. Uma boa alimentação concorre para manter-nos saudáveis.
Durante esse tempo, iremos fazer a Via-Sacra nas três igrejas católicas de nossa cidade, sendo nas quartas-feiras, às 19h, na Capela Santo Antônio; nas quintas, na Capela N. Sra. Aparecida; e nas sextas, na Matriz N. Sra. de Lourdes. Também estão sendo divulgados os livretos para os cinco encontros da Campanha da Fraternidade, refletindo sobre o SUS-Sistema Único de Saúde, os conselhos e as conferências de saúde e a prevenção às drogas, entre outros temas.

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
>>1XBET