CapivariDestaques

Secretário e diretor são exonerados depois de acusação de agressão contra vereador

Presidente da Câmara, vereador Dú Bombonatti, denunciou agressão em suas redes sociais; boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia

Uma confusão envolvendo o presidente da Câmara de Capivari, José Eduardo Bombonatti (Dú), o Secretário de Desenvolvimento Urbano da Prefeitura de Capivari, e o diretor da pasta, virou caso de polícia nesta semana.

A denúncia de agressão física e verbal foi feita pelo vereador Dú Bombonatti, na tarde de sexta-feira (17), nas redes sociais. Ele relatou que tudo aconteceu durante uma visita na obra da ponte do bairro Água Parada, na estrada velha que liga os municípios de Capivari e Mombuca.

Segundo Bombonatti, ele foi surpreendido por Bruno Sampaio, secretário de Desenvolvimento Urbano, e por Murilo Benedicto, diretor de Obras. O presidente do Legislativo relatou que os servidores fecharam a estrada com o veículo e o impediram de passar com o carro oficial da Câmara.

“Foi aí que começaram as ofensas, acusações e até ameaças de agressão física”, conta.

Durante a confusão, Dú Bombonatti disse que o diretor de Obras tentou obrigá-lo a entregar o celular, o qual havia utilizado para gravar um vídeo nas obras da ponte.

“Gravei um vídeo agradecendo a empresa Raízen pela parceria no conserto da ponte, um pedido que eu fiz no começo do ano. Fui visitar a obra como vereador e na volta fui vítima de uma emboscada”, desabafa.

Ao deixar o local, o vereador registrou um boletim de ocorrência contra os envolvidos, de injúria e ameaça na Delegacia de Polícia Civil.

Em contato com a Prefeitura de Capivari, para ouvir o outro lado dos fatos, a assessoria retornou apenas com uma nota de agradecimento à Bruno Sampaio e Murilo Benedicto, que depois da confusão, foram exonerados dos cargos.

Guilherme Rego foi nomeado interinamente para assumir a pasta.

A ponte da polêmica

A ponte a qual se refere Dú Bombonatti fica no bairro rural Água Parada, na estrada velha que liga Capivari a Mombuca.

A Secretaria de Desenvolvimento Urbano concluiu na nesta sexta-feira (17) as obras da reforma da ponte. A passagem desabou há mais de oito anos e desde então o trânsito foi interrompido.

Desde o começo do ano, a Secretaria de Desenvolvimento Urbano vinha fazendo o trabalho de recuperação da estrada rural, limpeza do local e reforma da ponte, que beneficiará os produtores rurais e a população que mora nos arredores do bairro Água Parada.

Ponte-bairro-Água-Parada
Antes e depois da obra de reconstrução da ponte no bairro Água Parada

A estrada de acesso a ponte estava em más condições, sem tráfego de veículos de médio e grande porte, devido às erosões e mato alto no percurso. Já a estrutura da ponte era de madeira, com grandes troncos como suporte.

A travessia não é de responsabilidade da prefeitura, porém, o setor público se preocupou com a situação e buscou dar apoio aos munícipes.

A obra foi possível devido à parceria da prefeitura com iniciativa privada, uma empresa produtora de açúcar na região e também com agricultores do município. A pasta disponibilizou caminhões e equipe para trabalhar na ponte, a empresa produtora de açúcar disponibilizou materiais e máquinas, e a Defesa Civil também acompanhou todo o processo, garantindo a segurança da equipe contendo possíveis deslizamentos.

Segundo o governo municipal, todo trabalho foi monitorado pela Diretoria de Meio Ambiente para evitar qualquer tipo de prejuízo à natureza.

O prefeito de Capivari, Vitor Riccomini, parabenizou o trabalho da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, que superou as expectativas dos moradores.

“Nós fizemos um acordo entre a iniciativa privada, produtores rurais donos de propriedades na região. Sabemos da importância dessa ponte e, mesmo com toda as adversidades, estamos entregando um serviço de qualidade. Essa passagem vai garantir economizar cerca de 12km de viagem para quem mora na região”, disse.

Ivanete Cardoso

Jornalista - MTB 57.303

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
Skip to content