NotíciasRafard

Água de Rafard está há mais de uma semana sem cloro e flúor, afirma vereador

30/10/2015

Água de Rafard está há mais de uma semana sem cloro e flúor, afirma vereador

Poder Executivo confirmou o atraso, mas disse que o tratamento já foi normalizado; cidade é abastecida por dez poços artesianos
Rodolfo Minçon afirmou que a água da cidade está sem cloro e flúor há mais de uma semana (Foto: Laila Braghero/O Semanário)
Em uso da tribuna, o vereador Rodolfo Minçon afirmou que a água da cidade está sem cloro e flúor há mais de uma semana (Foto: Laila Braghero/O Semanário)

RAFARD – Uma grave denúncia do vereador Rodolfo Antonio Minçon (PROS) assustou a população durante a 18ª sessão ordinária da Câmara, na terça-feira, 27. “Todos conhecem o sabor da água de Rafard. É muito bom. Agora, sabemos pouco como ela é tratada. Essa água de Rafard faz mais de uma semana que está sem cloro e sem flúor, porque acabou o material”, disparou o parlamentar durante discurso na tribuna livre.

Segundo Minçon, que também é funcionário público municipal, o motivo seria a falta de material e morosidade da Prefeitura de Rafard quanto à parte burocrática de licitação para compra desses materiais. Questionado sobre a denúncia, o Executivo se limitou a informar que realmente “houve um pequeno atraso na entrega do produto, mas este já foi normalizado”.

Água cristalina e sem odor não é sinônimo de qualidade, afirmam especialistas. Por isso, consumir água proveniente de poços artesianos exige cuidados. Em entrevista ao Diário do Grande ABC, a professora de Química e pesquisadora do Núcleo e Agência Ambiental da Universidade Metodista, Denise Neves, disse que a água própria para consumo é aquela com tratamento específico. “A água proveniente de poço artesiano, semiartesiano, mina ou bica deve ser consumida com cuidado, mesmo com aparência cristalina e sem odor. A fervura, porém, não exclui a contaminação”, explica. “Por isso deve ser filtrada e, para cada litro de água, adicionar duas gotas de hipoclorito de sódio a 2,5%.”

De acordo com a Prefeitura, o município é abastecido por dez poços artesianos, os quais tiveram a capacidade aumentada para aproximadamente 25% entre 2013 e 2014. “E isso se manteve em 2015 com as melhorias feitas no sistema de abastecimento”, informou o poder público.

O cloro limpa a água e tem a finalidade de potabilizar, livrando-a de germes e bactérias, permitindo assim o seu consumo. O flúor é geralmente adicionado à água potável para ajudar a reduzir a incidência de cáries nos dentes.

Jornal O Semanário

Esta notícia foi publicada por um dos redatores do jornal O Semanário, não significa que foi escrita por um deles, em alguns dos casos, foi apenas editada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo
>>1XBET
>>JADE