DestaquesRafardSaúde

Rafard dá início a campanha contra o Sarampo

Imagem ilustrativa

A diretoria de Saúde de Rafard iniciou na última segunda-feira (7), a Campanha de Vacinação de Sarampo no município. Este ano, a ação será em duas etapas, começando pelas crianças e, posteriormente, os adultos.

Até 25 de outubro, crianças de seis meses até menores de 5 anos de idade, que não tenham sido vacinadas, devem receber a primeira dose contra o Sarampo. Para isto, basta comparecer na Unidade Básica de Saúde (UBS) portando a carteira de vacinas e documento com foto. A vacinação é ministrada sempre das 7h às 11h e das 12 às 16h.

O Dia D – mobilização nacional – da primeira etapa acontece no sábado (19), com atendimento das 8h às 17h, também na UBS.

Segunda etapa

De 18 a 30 de novembro, acontece a segunda etapa da campanha de vacinação, destinada para jovens e adultos (não vacinados) na faixa etária de 20 a 29 anos de idade. O Dia D também será realizado no sábado, 30 de novembro, das 8h às 17h.

A diretora de Saúde alerta que durante a semana, de segunda à sexta, das 7h às 11h e das 12h às 16h, também é possível atualizar as demais vacinas do calendário nacional. Basta apresentar a caderneta de vacinas ao pediatra da UBS.

“Não deixem de comparecer com suas cadernetas de vacinas para que possamos avaliar a situação vacinal, e se estiver faltante alguma dose, aplicá-la. Assim protegeremos a sua saúde, da sua família e de toda a nossa comunidade, fazendo com que o vírus do Sarampo pare de circular”, ressalta a Diretora de Saúde, Veruscka Corrêa.

O que é sarampo?

Sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus, que pode ser fatal. Sua transmissão ocorre quando o doente tosse, fala, espirra ou respira próximo de outras pessoas. A única maneira de evitar o sarampo é pela vacina.

Sintomas

Os principais sintomas do sarampo são: febre acompanhada de tosse; irritação nos olhos; nariz escorrendo ou entupido; mal-estar intenso.

Em torno de 3 a 5 dias, podem aparecer outros sinais e sintomas, como manchas vermelhas no rosto e atrás das orelhas que, em seguida, se espalham pelo corpo. Após o aparecimento das manchas, a persistência da febre é um sinal de alerta e pode indicar gravidade, principalmente em crianças menores de 5 anos de idade.

Etiquetas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar