DestaquesRafard

Profissionais da Comunicação falam sobre suas experiências no Semanário

Três profissionais da área de comunicação que passaram em diferentes períodos e ocupações pelo Semanário, contam o que viveram, o que veem hoje e o que desejam para o futuro do jornal.

Antonio Arnaldo da Cruz Machado, mais conhecido como Tonny Machado ou Toninho da rádio Raízes FM, foi entregador de jornal no Semanário por vários anos, ao lado do atual diretor, Túlio Darros.

Ele conta que ainda era adolescente e acordava bem cedo, toda sexta-feira, para fazer a entrega do impresso na casa dos assinantes.

O que ele viveu no Semanário foi uma experiência que guarda para a vida toda e que influenciou também na sua escolha profissional. Tonny continua na área de comunicação e trabalha hoje na rádio Raízes FM, em Capivari, como jornalista e apresentador do Programa Primeira Página.

tonny-machado-o-semanario-30-anos
Jornalista Tonny Machado diz ter vivido uma experiência que vai guardar para a vida toda e que influenciou sua escolha profissional (Foto: Arquivo pessoal)

“Lembro que foi entregando jornal que aprendi a ter a responsabilidade de acordar cedo e sair para cumprir meu compromisso. Antes de sair para a rua, tinha sempre um café para tomar junto com a família Darros lá no jornal. Foi um grande aprendizado”, recorda.

O que ele vê hoje no Semanário é um jornal forte que manteve a linha da credibilidade.

“Vejo que O Semanário é um dos poucos jornais impressos que ainda resiste, sem perder a credibilidade. É um jornal que não ficou parado no tempo e foi se aperfeiçoando no impresso e no conteúdo digital”, afirma.

Seu desejo para o futuro d’O Semanário é que continue mantendo a credibilidade e qualidade na informação.

“Desejo muito sucesso para o jornal e que continue a levar a notícia com qualidade e transparência, como sempre fez nestes 30 anos de existência. Parabéns ao Semanário, e fico muito feliz por ter feito parte de um pedaço desta história”, finaliza Machado.

Escola de jornalismo

A jornalista Laila Braghero foi repórter do jornal O Semanário por dois anos, entre 2014 e 2015. Recém-formada, ela conta que a redação do jornal foi para ela uma ‘escola de jornalismo na prática’.

“Eu tinha acabado de me formar e vivi experiências ricas no começo da minha profissão de jornalista. Eu saía para ruas, entrevistava pessoas, fazia as fotos, escrevia, e ainda, acompanhava o fechamento da edição. Aprendi todas as etapas no Semanário, e tudo foi muito importante”, conta a jovem.

laila-braghero-o-semanario-30-anos
Para a jornalista Laila Braghero, trabalhar na redação d’O Semanário foi como uma ‘escola de jornalismo na prática’ (Foto: Arquivo pessoal)

O que ela vê hoje, é uma produção jornalística que mantém a qualidade tanto no impresso quanto na versão digital.

“O jornal está sempre atualizando, sem perder a visão das novas tendências. É muito boa a versão digital, é onde eu acompanho as notícias de Rafard e Capivari, através das redes sociais e do site”, revela a jornalista, que hoje reside em Vinhedo.

O que ela deseja, é pelo menos mais 30 anos de informação e credibilidade.

“O impresso como O Semanário tem tudo a ver com a cidade do interior. É ali que os moradores vão buscar as notícias locais e isso cria uma relação de muita confiança. Desejo que o jornal resista e continue nas versões online e impressa por pelo menos mais 30 anos”, encerra Laila.

Escrevendo a atual história

Desde novembro de 2020, a jornalista Ivanete Cardoso B. de Carvalho escreve notícias para o jornal O Semanário. Ela já trabalhou na redação do periódico em outra época e por mais de doze anos em assessorias de imprensa das prefeituras de Rafard, Capivari e Mombuca.

Na comemoração dos 30 anos, Ivanete comenta o que vive, hoje, nesta sua nova experiência de trabalho.

“Fiz por muito tempo assessoria de imprensa, que é uma área muito interessante da Comunicação, mas neste momento, no Semanário, vivo experiências bem mais reais do jornalismo, que acontece ali, no dia a dia, com o contato direto com as fontes. É um crescimento pessoal e profissional valioso”, revela a profissional.

Em sua trajetória na área, a jornalista conta que já vivenciou outros períodos de trabalho com O Semanário, mas afirma que a experiência atual, está sendo a mais madura e produtiva.

ivanete-cardoso-o-semanario-30-anos
A jornalista Ivanete Cardoso está em sua segunda passagem como colaboradora do jornal O Semanário, e acredita que experiência atual está sendo mais madura e produtiva (Foto: Arquivo pessoal)

O que ela vê no jornal, é um veículo de informação comprometido com a veracidade dos fatos e com conexão com a comunidade.

“O trabalho é sempre de ouvir os dois lados e trazer a notícia bem perto do leitor. Vejo que há sempre uma busca para que o leitor de Rafard, Capivari e região se sinta parte do jornal, e isso faz toda a diferença na qualidade do jornal impresso”.

Ivanete finaliza com o seu desejo para o futuro.

“Desejo que O Semanário permaneça independente, participativo nas questões sociais, políticas e culturais do município de Rafard e região, e que continue cumprindo sua missão, que é levar a informação com credibilidade e respeito pelos leitores”.

Ivanete Cardoso

Jornalista - MTB 57.303
Botão Voltar ao topo
Skip to content